Observação de aves atrai estudante recém formado à Estância Mimosa

Observação de aves atrai estudante recém formado à Estância Mimosa
Observação de aves atrai estudante recém formado à Estância Mimosa

No dia 05 de outubro, a Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS) recebeu a visita de Caio Bezerras de Matos Brito, estudante recém formado em Biologia, para a realização do passeio de observação de aves na fazenda e aproveitou para conhecer as cachoeiras e a horta orgânica.

Caio revelou a equipe da Estância Mimosa que seu objetivo no momento é viajar pelo Brasil para aumentar seu conhecimento quanto à atividade.

Antes de chegar em Bonito, Caio passou por outras regiões brasileiras.”O turista saiu de Fortaleza (CE), desceu para Blumenau (SC) e seguiu viajem até Foz do Iguaçu (PR). Depois veio para Bonito e a próxima parada em Mato Grosso do Sul será o Pantanal. Continuam no roteiro do viajante a cidade de Goiás ou Tocantins, retornando então para o ponto de partida: Fortaleza”, revelou a equipe da Mimosa.

Outro fato curioso é que Caio decidiu fazer a viagem em uma moto de 125 cilindradas, “dorme em postos de gasolina e nem por isso deixa de pagar para usufruir dos melhores passeios nas regiões nas quais está visitando”.

A viagem de Caio já está dando frutos. Caio já conseguiu aumentar a quantidade de aves em sua lista particular. Atualmente já catalogou 18.

Sobre a observação de aves na Estância Mimosa

A Estância Mimosa é um destino cativante para amantes da observação de aves. Os adeptos dessa atividade encontram no atrativo um roteiro específico acompanhado sempre por um guia especializado e bilíngue.
Localizada em uma região de grande diversidade ambiental, dentro do Bioma Cerrado, a Estância Mimosa possui mais de 250 espécies registradas.
O passeio de observação é realizado nas áreas de mata e morraria da fazenda no início da manhã. A sede da fazenda com sua lagoa é também um excelente ponto para observação, assim como as estradas internas. Espécies raras como o Pica-pau anão já foram vistas ao redor da sede da fazenda.

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.