Tamanduá-mirim flagrado na Estância Mimosa

O Tamanduá-mirim (Tamandua tetradactyla) é uma das espécies avistadas na Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS).

Mede até 105 centímetros de comprimento, é reconhecido principalmente por um padrão de pelagem que faz com que pareça que ele usa um colete preto ou marrom.⠀

Se alimenta preferencialmente de formigas e cupins, costumam se abrigar dentro de buracos em tronco de árvores, mas podem fazer isso em tocas⠀

Fique atento ao visitar o passeio! Quem sabe você não faz um belo registro do mamífero por aqui!

Arara chupando cana na Estância Mimosa Ecoturismo

Chicão se deliciando com uma cana na Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS). Confira:


O Chico e a Juju, são araras-canindés (Ara ararauna) da família Psittacidae, moradoras do atrativo.

Durante toda a vida foram criadas e domesticadas em cativeiro, assim são acostumadas e totalmente dependentes do ser humano para sobreviver.

O casal de araras vivia anteriormente em ambiente urbano com seus antigos proprietários e em março de 2020 elas foram recebidas pela Estância Mimosa.

Esta mudança foi feita com a intenção de aproximá-los do seu habitat natural: a natureza e assim proporcionar maior bem-estar aos animais e a oportunidade de se reintegrarem.

Na natureza as araras-canindés costumam se alimentar de frutas, sementes e nozes, o mesmo cardápio é oferecido ao Chico e Juju.

Casal escolhe cachoeiras da Estância Mimosa Ecoturismo para cenário de ensaio fotográfico

A Estância Mimosa Ecoturismo, passeio de cachoeiras em Bonito, foi o cenário escolhido pelo casal Maisa Correa e Rodrigo Fukuhara, de Dourados (MS), para a realização do ensaio fotográfico pré-casamento.

Maisa Correa e Rodrigo Fukuhara na s cachoeiras da Estância Mimosa. Foto: Cristiano Vieira.

O atrativo possui 10 cachoeiras, 9 paradas para banho e fauna, flora e água abundante que emolduram todo esse cenário e oferece um momento relaxante e de cumplicidade para os casais.

E era exatamente isso que Maisa e Rodrigo procuravam. “Desejávamos um ensaio que tivesse uma cachoeira e que fosse próximo à nossa cidade. Conhecemos a Estância Mimosa pelas redes sociais e por indicação. Chegando na fazenda foi amor a primeira vista. Estar em contato com a natureza é fascinante” revela Maisa.

Acompanhados pelo fotógrafo Cristiano Vieira e pelo filmaker Igor Filmes, os noivos realizaram fotos nas cachoeiras da Estância Mimosa. “Somos muito tímidos e com o apoio de Cristiano e Igor nosso ensaio tornou-se divertido e emocionante, queremos bis”, disse Maisa.

Juntos há mais de 4 anos, o casal troca as alianças em cerimônia a ser realizada no dia 28 de novembro de 2020. Devido à pandemia da Covid-19, a data já foi remarcada por duas vezes e a festa ficará para 2021. “Optamos em fazer uma cerimônia religiosa com nossos pais e padrinhos do religioso. Em junho de 2021 vamos fazer a renovação do matrimônio com a festa”.

Além do fotógrafos e filmaker, o casal é assessorado pela cerimonialista Thais Kohler.

Autores do Canal Caminho Traçado visitam os atrativos do Grupo Rio da Prata

A Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS) e o Recanto Ecológico Rio da Prata (Jardim-MS) receberam no último fim de semana a visita de Luciano Queiroz e Suzzi Queiroz, autores do Canal Caminho Traçado.

A dupla compartilha rotas traçadas por GPS, a forma mais confiável e segura de andar por lugares isolados e desconhecidos sem risco de se perder. Viajam quase sempre de carro pois residem no interior de São Paulo e, segundo eles, “outros meios de transporte coletivo são sempre muito complicados pra sair daqui”.

Nas redes sociais compartilharam algumas fotos feitas nos atrativos do Grupo Rio da Prata.

Sobre a Estância Mimosa, disseram: “Umas das inúmeras quedas do rio Mimoso na @estanciamimosa ! Imperdível para os amantes de cachoeiras!!”

“Quanto mais a gente viaja, mais a gente descobre lugares incríveis pelo Brasil!!! Estância Mimosa, Bonito/ MS”.

Sobre o Recanto Ecológico Rio da Prata:

“A flutuação no Rio da Prata em Jardim/ MS é um daqueles atrativos que você não pode deixar de fazer se vier para Bonito e região. São cerca de 2km de descida num rio de água calma e cristalina, com temperatura sempre em torno de 25°C. Mesmo que você não saiba nadar, a roupa vai te sustentar confortavelmente na superfície, enquanto você admira a quantidade de peixes na água. Imperdível!!”.

Para mais informações, acesse: @caminhotracado

Produção de mel orgânico na Estância Mimosa Ecoturismo

A Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS) realizou a segunda colheita da produção de mel orgânico no atrativo, safra da florada da guavira que se estende até meados de outubro para que, em novembro, inicie a produção dos frutos, que ocorre apenas uma vez por ano.

Ao produzir o mel orgânico as abelhas não recebem qualquer tipo de substância para induzir a produção, como xaropes, essências, entre outros, e as flores em que o néctar é coletado também não contém aditivo algum, fazendo com que a produção seja a mais natural possível.

Todo o ambiente de produção é o mais natural possível.

Há a opção de mel com favo.

Experimente!

Benefícios

O mel orgânico é rico em carboidratos, vitaminas e minerais importantes para o bom funcionamento do organismo.

Cláudia, colaboradora da Fazenda Refúgio da Ilha, visita a Estância Mimosa

A Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS) recebeu na última segunda-feira (28) a visita de Cláudia, colaboradora da Fazenda Refúgio da Ilha, atrativo localizado no Pantanal Sul, acompanhada por sua filha.

Elas realizaram o passeio o de trilha e cachoeiras, conheceram os projetos ambientais e passaram um dia agradável junto à natureza local.

Em depoimento, Cláudia revelou:

“O passeio foi maravilhoso. Vocês estão de parabéns pela conservação e pelo atendimento aos visitantes. A gente se surpreende mais do que imaginamos encontrar, tanto pelo cuidado com a gente e a segurança nos passeios. É incrível o cuidado com a natureza. É isso que o mundo está precisando”.

Parceria entre Estância Mimosa Ecoturismo e Instituto Arara Azul completa 1 ano

Em setembro de 2019, a Estância Mimosa Ecoturismo, passeio de cachoeiras em Bonito (MS), iniciou a parceria com o Instituto Arara Azul e, por meio dela, 10 ninhos artificiais foram instalados em diferentes locais.

O objetivo da parceria é de que os ninhos sejam utilizados como abrigo tanto para as araras azuis (Anodorhynchus hyacinthinus), bem como de outras como a arara-vermelha e a arara-canindé, além de auxiliar na reprodução das espécies.

Na ocasião, 4 ninhos foram instalados na área da Estância Mimosa e também às margens da Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN. Em outubro foram instalados mais 4 e em novembro de 2019, mais 2 ninhos.

O Instituto Arara Azul compartilhou um relatório sobre as ações e resultados em 1 ano de parceria. Entre os ninhos instalados, destaca-se o “Ninho 2322”, o mais explorado pelas araras azuis no atrativo. “As aves foram fotografadas várias vezes, entrando e saindo do ninho. Entretanto, neste período reprodutivo ainda não ocuparam o local para se reproduzir, mas foi um bom sinal de que as araras da região já encontraram os ninhos e, possivelmente, em anos posteriores poderão ocupar algumas das caixas instaladas”.

Luiza Coelho, Diretora de Sustentabilidade do Grupo Rio da Prata, revela a satisfação em somar esforços em prol da natureza. “Ficamos emocionados quando vemos um trabalho tão difícil e de longo prazo como este do Instituto Arara Azul e do Instituto Arte do Fazer, ações realmente feitas com carinho, amor e dedicação para com uma espécie tão magnífica como a Arara Azul. E o mais legal é ver que os frutos foram colhidos e continuarão sendo. A Estância Mimosa tem registrado aparições de Arara azul, e elas já estão aprendendo a usar os ninhos artificiais. Ficamos muito satisfeitos em contribuir com a natureza, este é o propósito do nosso ecoturismo. Ajudar a natureza a ficar cada vez mais forte e bonita”.

Thyago Sabino, gerente do atrativo, celebra também a parceria. “Quando fomos atrás do projeto, visando a parceria, tínhamos como objetivo de que a Estância Mimosa também fosse uma residência permanente dessas espécies, das araras em específico. Nossa ideia era oferecer condição ideal no ambiente. Depois de instalados os ninhos, com quase 1 ano de monitoramento, concluímos que estávamos certos a respeito de tudo que pensávamos: a Estância Mimosa é uma área com grande potencial para que essas espécies vivam bem”.

Além da Estância Mimosa, o Recanto Ecológico Rio da Prata e Lagoa Misteriosa, integrantes do Grupo Rio da Prata localizados em Jardim (MS), mantém a parceria com o projeto Arara Azul, desde fevereiro de 2012 quando foram instalados os primeiros ninhos artificiais nas dependências das fazendas.

Equipe do Instituto Arara Azul monitoram ninhos artificiais instalados na Estância Mimosa

A Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito -MS) recebeu nesta segunda-feira (31) a visita de Carlos Cezar Corrêa, técnico do meio ambiente do Projeto Instituto Arara Azul, com o objetivo de vistoriar os ninhos artificiais instalados no atrativo.

Atualmente há 10 ninhos instalados com o intuito de serem utilizados como abrigo tanto para as araras azuis, bem como de outras como a arara-vermelha e a arara-canindé, além de auxiliar na reprodução das espécies.

Durante a visita, Cézar revelou que os ninhos foram explorados pelas espécies, porém se encontram vazio!

Viagem de carro pelo Brasil! Como chegar a Bonito saindo das principais capitais

Há quem goste de viajar de carro em qualquer período do ano. Mas agora, por conta da atual situação, essa parece ter se tornado uma opção ainda mais viável, já que favorece o distanciamento social indicado como medida de segurança. Por isso, se você está considerando fazer uma viagem com a família, Bonito, no Mato Grosso do Sul, pode ser o seu próximo destino.

A maior parte do comércio e dos atrativos turísticos já está funcionando normalmente desde o dia 1º de julho, tendo adotado medidas indicadas pela Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal. A Estância Mimosa Ecoturismo, especificamente, conquistou o selo Safe Travel pelo World Travel & Tourism Council (WTTC), único órgão global que representa o setor privado de Viagens e Turismo. Recebemos ainda o selo Bonito Seguro, iniciativa de um programa do Sebrae e entidades do Sistema S.

Distância de algumas capitais do país

Referência nacional de ecoturismo, Bonito fica a cerca de 300km da capital do estado, Campo Grande. Assim, são menos de quatro horas na estrada. Se você mora na região e ainda não conhece o destino, essa pode ser uma ótima oportunidade.

Saindo de São Paulo, são pouco mais de 1 mil km. O que dá aproximadamente 14h de estrada. O percurso é mais longo, mas pode ser aliviado revezando os motoristas ou com breves paradas. Nada que impeça uma viagem bem planejada!

Do Rio de Janeiro, a distância sobe um pouco mais, cerca de 500km do que seria o trajeto de São Paulo. Uma alternativa é passar uma noite em uma hospedagem de confiança, em alguma cidade no meio do trajeto que também esteja seguindo as medidas preventivas recomendadas pelos órgãos responsáveis.

O mesmo vale para distâncias maiores, como para quem vem da região Sul do país, Norte ou Nordeste.

Dicas para o seu veículo

Ao contrário do que muitos pensam, mesmo em uma viagem de carro com motor 1.0 é possível visitar Bonito-MS. O importante é conhecer e/ou se informar sobre as estradas até chegar ao local. Também indicamos modelos mais altos, especialmente na época de chuvas.

Mas chegando ao seu destino, na hospedagem de sua escolha em segurança, é o principal. Se o seu carro for muito baixo, estando por aqui você pode optar pelo transfer da agência de viagens ou mesmo alugar outro modelo para o caso de ir até determinados atrativos.

No mais, aproveite a diversão! Informe-se sobre os protocolos adotados em cada estabelecimento, curta com responsabilidade e respeite a natureza!

Para as reservas aqui da Estância Mimosa Ecoturismo, você pode entrar em contato com uma agência de turismo da região. Mais informações pelo nosso Whatsapp: (67) 99616-3082.

Atrativos do Grupo Rio da Prata conquistam o prêmio Travelers’ Choice 2020 do Tripadvisor

Os passeios de ecoturismo do Grupo Rio da Prata – Estância Mimosa, Lagoa Misteriosa e o Recanto Ecológico Rio da Prata – localizados em Bonito e Jardim, no Mato Grosso do Sul, conquistaram o Travelers’ Choice.

Passeio de barco na Estância Mimosa. Foto: Fernando Peres.

O reconhecimento homenageia estabelecimentos que, com base em um ano inteiro de avaliações do Tripadvisor, antes de quaisquer mudanças causadas pela pandemia, receberam excelentes avaliações dos viajantes e estão entre os 10% melhores atrativos no Tripadvisor.

Os depoimentos dos nossos visitantes demonstram que oferecemos uma experiência sensacional junto a natureza. Esta premiação é um reconhecimento deste trabalho de amor à natureza e do compromisso com o ecoturismo“, comemora Luiza Coelho, Diretora de Sustentabilidade do Grupo Rio da Prata.

Os vencedores do 2020 Travelers’ Choice Awards devem se orgulhar do reconhecimento“, disse Kanika Soni, Diretora Comercial da Tripadvisor. “Embora tenha sido um ano desafiador para viagens, queremos comemorar as conquistas de nossos parceiros. Os vencedores são reconhecidos por seu serviço e qualidade excepcionais e são também uma grande fonte de inspiração para viajantes”.

Passeio de flutuação no Recanto Ecológico Rio da Prata. Foto: Daniel De Granville.
Mergulho com cilindro e flutuação na Lagoa Misteriosa. Foto Acervo.

Veja algumas avaliações compartilhadas pelos viajantes sobre os atrativos:

Estância Mimosa Ecoturismo: “Fomos em família, foi delicioso, está super seguro, com todos os cuidados de biossegurança. Passeio inesquecível, paisagens incríveis, almoço delicioso, sobremesa genuína (o famoso doce de leite da fazenda), a variedade de animais que encontramos é impressionante. Indico muito para família em geral“, avaliou Ariane Mendes, em julho de 2020.

Lagoa Misteriosa: “Após uma pequena trilha chegamos a lagoa, do alto das escadas já dava pra ver como é linda. A flutuação foi incrível! Quando olhamos para baixo, não vimos o fundo, por isso o nome Lagoa Misteriosa, não se sabe a profundidade dela. A água tem uma cor azul lindíssima, nunca vi nada assim. Devo ressaltar ainda que o atrativo segue todas as normas de biossegurança. É um passeio que vale muito a pena, eu recomendo!”, disse Tati Cardim que avaliou o atrativo em 12 de agosto de 2020.

Recanto Ecológico Rio da Prata:Sem dúvidas um dos atrativos mais incríveis de Bonito e região, não somente pelas belezas naturais que chamam a atenção mas também pelos projetos ambientais e profissionais capacitados para tornar sua visita algo inesquecível!”, disse Felipe Martins em avaliação compartilhada no Tripadvisor em agosto de 2020.