Atrativos do Grupo Rio da Prata completam 10 anos de Certificação em Segurança

Os atrativos do Grupo Rio da Prata, Estância Mimosa e Recanto Ecológico Rio da Prata, localizados em Bonito e Jardim (MS) completam em 2019, 10 anos de Certificação dos seus Sistemas de Gestão de Segurança (SGS). Os passeios de ecoturismo se destacam também por serem pioneiros na certificação ISO (*). O Recanto Ecológico Rio da Prata foi o primeiro no Brasil a receber a certificação ISO 21101 na modalidade caminhada e flutuação (snorkeling). Já a Estância Mimosa se tornou o primeiro atrativo do Brasil a receber a certificação ISO 21101 na modalidade caminhada e banho de cachoeiras.

Os Sistemas de Gestão de Segurança – SGS foram implantados entre 2008 e 2010 nos atrativos, através da participação no Programa Aventura Segura da Associação Brasileira de Ecoturismo e Turismo de Aventura – ABETA, e são certificados anualmente pela ABNT Certificadora.

O objetivo do SGS é prevenir incidentes nos atrativos, permitindo aos visitantes aproveitar as atividades ao ar livre com diversão e segurança, e também preparar o atendimento e remoção de emergência caso ocorra algum acidente.

De acordo com a ABETA, “o SGS gera confiança, não só dos clientes para com a empresa, mas entre a empresa e seus colaboradores, parceiros e fornecedores, pois todos passam a ter certeza de que a operação é controlada e que se saberá como agir no caso de uma situação indesejada”.

Empresas certificadas recebem homenagem durante abertura da Abeta realizada em 2010.
Eduardo Coelho, proprietário dos atrativos do Grupo Rio da Prata recebe certificação SGS do ex- ministro do Turismo, Luiz Barreto, durante evento em 2010.
Simone Spengler Coelho, sócia-proprietária dos atrativos, recebeu também o certificado referente aos passeios de ecoturismo.

Ao longo desses anos, colaboradores da Estância Mimosa e do Recanto Ecológico Rio da Prata participaram anualmente de capacitações de primeiros socorros, salvamento aquáticos, simulados de acidentes e foram realizadas auditorias dos órgãos responsáveis pelo sistema visando melhorias e soluções.

Para Luiza Coelho, Diretora de Sustentabilidade dos atrativos, “manter nossos SGS certificados por 10 anos demonstra nosso respeito e comprometimento pelos nossos visitantes, nosso destino e nossa equipe. Isso também só ocorreu graças ao trabalho e esforço de todos os colaboradores, e principalmente dos nossos incríveis passados e atuais Representantes da Direção no SGS: Nádia Pisetta e Thyago Sabino. Manter um SGS certificado dá trabalho, mas ao mesmo tempo traz muita qualidade e melhoria contínua, e acima de tudo segurança, portanto compensa plenamente e é importantíssimo”.

Sabemos que todas as atividades em meio a natureza oferecem riscos e o SGS vem para minimizar e preveni-los. Sua abordagem incentiva a analisar as atividades de ecoturismo, entendendo o meio ambiente e as necessidades dos guias, visitantes e equipe de trabalho.  Assim, o SGS tem um papel fundamental no processo de gestão de riscos, monitoramento e melhoria contínua da atividade. Ano após ano, o selo de certificação para atividades de caminhada, flutuação e banho de cachoeiras têm atestado a qualidade do nosso Sistema de Gestão da Segurança. Flutuar em águas cristalinas ou tomar um banho de cachoeira é muito bom, mas praticar uma aventura segura é melhor ainda”, revela Nádia Pisetta.

Thyago Sabino, gerente da Estância Mimosa ao lado do auditor da certificadora ABNT, Paulo Sérgio Coelho de Andrade e Nádia.
Na foto, os colaboradores: Manoel, Bruno, Nádia, o auditor Paulo Sérgio Coelho de Andrade e Mano, gerente no Recanto Ecológico Rio da Prata.

Certificação ISO

O Recanto Ecológico Rio da Prata foi o primeiro no Brasil a receber a certificação Certificação ISO 21101 na modalidade caminhada e flutuação (snorkeling).

Flutuação no Recanto Ecológico Rio da Prata. Foto: Marcio Cabral.

Já a Estância Mimosa se tornou o primeiro atrativo do Brasil a receber a certificação ISO 21101 na modalidade caminhada e banho de cachoeiras.

Cachoeiras da Estância Mimosa. Foto: Daniel De Granville.

A certificação ISO(*) (International Organization for Standardization) leva em conta toda a cadeia produtiva, incluindo a qualidade dos produtos e serviços prestados. O reconhecimento, em ambos atrativos, aconteceu em setembro de 2016.

Para mais informações, acesse: www.riodaprata.eco.br/sgs/ |  www.estanciamimosa.eco.br/sgs/

Jornalistas do Sebrae visitam atrativos do Grupo Rio da Prata

Os atrativos do Grupo Rio da Prata, Estância Mimosa (Bonito-MS) e o Recanto Ecológico Rio da Prata (Jardim-MS), receberam respectivamente nos dias 15 e 16 de outubro, a visita de jornalistas e diretores do Sebrae Nacional.

Os profissionais participam de um projeto da instituição na divulgação de alguns destinos turísticos nacionais, entre eles Bonito – reconhecido não só pelas belezas naturais, mas também pela forma sustentável na organização e planejamento do turismo ecológico.

Na Estância Mimosa realizaram o passeio de trilha e cachoeiras, conheceram os projetos ambientais e se encantaram com a gastronomia. Já no Recanto Ecológico Rio da Prata fizeram o passeio de flutuação e conheceram também os projetos ambientais.

Em depoimento, Toninho Pompe, radialista, revelou que “fiquei encantado por tudo o que vi aqui, não só pelas belezas naturais mas também a forma que fomos atendidos. O destino está de parabéns”.

Veja as fotos:

Atrativos do Grupo Rio da Prata recebem Certificado de Excelência 2019 do TripAdvisor

Os passeios de ecoturismo do Grupo Rio da Prata – Estância Mimosa, Lagoa Misteriosa e o Recanto Ecológico Rio da Prata – localizados em Bonito e Jardim, no Mato Grosso do Sul, conquistaram o Certificado de Excelência do TripAdvisor®.

Em sua nona edição, o reconhecimento homenageia estabelecimentos que receberam avaliações excelentes dos viajantes no TripAdvisor no último ano. “O TripAdvisor tem o prazer de anunciar os premiados com o Certificado de Excelência de 2019, que celebra, há quase uma década, as empresas que receberam classificações positivas de forma sistemática de viajantes e clientes na maior plataforma de viagens do mundo”, referiu Neela Pai, vice-presidente do departamento de Marca, TripAdvisor. “Este prêmio permite-nos reconhecer publicamente as empresas que têm ativamente em consideração os comentários dos clientes para ajudar os viajantes a desfrutar com confiança dos locais com as melhores avaliações onde comer, ficar e explorar”.

Veja algumas avaliações compartilhadas pelos viajantes sobre os atrativos:

Estância Mimosa: “Fizemos o passeio na trilha das cachoeiras, o lugar é lindo e as cachoeiras nem se fala. A comida é maravilhosa e eles ainda tem um doce de leite incrível, trouxe 3 potes para casa! Não deixe de visitar a fazenda.” – Olga Iara, avaliou em abril de 2019.

Lagoa Misteriosa: “A estrutura da fazenda é incrível! Tudo muito bem organizado e de muito bom gosto. A flutuação na Lagoa Misteriosa é uma experiência imperdível!!! O lugar é espetacular, a equipe é muito simpática e bem treinada. Recomendo!” – Lucas R., avaliou em setembro de 2019.

“Excelente mergulho de cilindro, guias e mergulhadores muito atenciosos e pacientes, dentro da água sensação única de paz e contemplação descemos até 8 metros que é a profundidade máxima.” – Gian Navaro, avaliou em setembro de 2018.

Recanto Ecológico Rio da Prata: “Melhor flutuação que já fiz em minha vida. Conhecer um outro mundo (submerso) totalmente diferente do que estamos acostumados a ver. Água super cristalina e seres incríveis de serem admirados. Mais uma vez a Natureza surpreende.” – Aline A., avaliou em junho de 2019.

O Certificado de Excelência leva em consideração a qualidade, a quantidade e a recenticidade das avaliações enviadas pelos viajantes do TripAdvisor em um período de 12 meses. Para receber o Certificado de Excelência, os estabelecimentos devem manter uma pontuação geral mínima de quatro círculos (no total de cinco). Além disso, eles precisam ter um número mínimo de avaliações e estar cadastrados no TripAdvisor por no mínimo 12 meses.

Novos capacetes para passeio a cavalo chegam na Estância Mimosa

Todo mundo muito bem equipado para realizar o passeio a cavalo na Estância Mimosa! Recebemos novos modelos de capacetes, equipamento que garante proteção, conforto e arejamento, além de ser ajustável e leve!! Momentos na natureza com mais segurança! Veja as fotos:

Visita na Estância Mimosa

A Estância Mimosa recebeu no dia 28 de setembro a visita de alunos do Colégio Refferencial, de Campo Grande (MS).

Passeio de trilha, banho em cachoeiras, visita aos projetos ambientais e uma palestra com o gerente do atrativo, Thyago Sabino, que falou sobre compostagem, composteiras e também a horta orgânica da fazenda, foram as atrações de um dia agradável no atrativo.

Thyago revela que a ação é importante pois é uma forma de ” conscientizar os jovens e mostrar que é possível conciliar uma atividade econômica como o turismo visando sempre a conservação dos recursos naturais“.

Veja as fotos:

Atrativos do Grupo Rio da Prata entram para o Hall da Fama do TripAdvisor

Os atrativos do Grupo Rio da Prata, Estância Mimosa, Lagoa Misteriosa e Recanto Ecológico Rio da Prata, localizados em Bonito e Jardim, no Mato Grosso do Sul, entram para o Hall da Fama do TripAdvisor.

O certificado especial, concedido pela maior plataforma de viagens do mundo, são entregues às empresas que, por cinco anos consecutivos recebem o Certificado de Excelência por suas avaliações positivas por parte dos viajantes no TripAdvisor nos último anos.

Luiza Coelho, Diretora de Sustentabilidade do Grupo Rio da Prata, revela que “esta conquista de 5 anos de excelência no TripAdvisor é muito importante para o Grupo Rio da Prata pois demonstra que nossos visitantes estão satisfeitos com a experiência de ecoturismo que lhes é proporcionada. Nosso objetivo é continuar melhorando sempre e encantando nossos visitantes com uma linda natureza preservada. A sustentabilidade é o reflexo do nosso amor pela natureza”.

Ressalta também o comprometimento de toda a equipe de colaboradores e parceiros do trade turístico que contribuem para proporcionar uma experiência única para os visitantes.

Sobre os passeios

O Recanto Ecológico Rio da Prata, Lagoa Misteriosa e a Estância Mimosa são atrativos turísticos resultados de um projeto familiar que colocou em prática a capacidade de empreender e inovar, com o propósito de criar um modelo de ecoturismo organizado com visitação limitada, focado em qualidade e segurança, e viável economicamente.

Estância Mimosa e Instituto Arara Azul iniciam parceria

Começou nesta quarta-feira (25) a parceria entre o Instituto Arara Azul e a Estância Mimosa Ecoturismo. Foram instalados, a princípio, 4 ninhos artificiais na área e às margens da Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN – e da fazenda.

O objetivo é que os ninhos sejam utilizados como abrigo tanto para as araras azuis, bem como de outras como a arara-vermelha e a arara-canindé, além de auxiliar na reprodução das espécies.

Na foto: Lucas, colaborador do Instituto Aarar Azul, Thyago Sabino, gerente da Estância Mimosa e Carlos Cezar Corrêa.

Thyago Sabino, gerente da Estância Mimosa celebra a parceria. “Hoje é um dia muito especial para a Estância Mimosa e esperamos que a fazenda possa ser um belo abrigo para as aves”, diz.

Estão previstas visitas de monitoramento e a instalação de mais seis ninhos no atrativo.

Além da Estância Mimosa, o Recanto Ecológico Rio da Prata e Lagoa Misteriosa, integrantes do Grupo Rio da Prata localizados em Jardim (MS), mantém a parceria com o projeto Arara Azul, desde fevereiro de 2012 quando foram instalados os primeiros ninhos artificiais nas dependências das fazendas.

Sobre o Projeto Arara Azul

O Projeto Arara Azul é um projeto que estuda a biologia e relações ecológicas da arara-azul-grande, realiza o manejo e promove a conservação da arara azul em seu ambiente natural, além de estudar a biologia reprodutiva das araras vermelhas, tucanos, gaviões, corujas, pato-do-mato e outras espécies que co-habitam com a arara azul no Pantanal.

O Projeto compreende o acompanhamento das araras na natureza, o monitoramento de ninhos naturais e artificiais numa área de mais de 400 mil hectares além do trabalho, em conjunto com proprietários locais, de conservação da espécie.

Aula Botânica na Estância Mimosa

Os alunos da disciplina Biologia e Taxonomia de Criptógamas (algas, musgos, samambaias, fungos e liquens) do Curso de Ciências Biológicas do UFMS, Câmpus do Pantanal tiveram a oportunidade de fazer uma aula de campo na Estância Mimosa, na cidade de Bonito entre os dias 24 e 26/05/19.

Através dos recursos obtidos pelo Edital PROGRAD no.69 em parceria com Estância Mimosa, a Profª. Maria Ana levou seus alunos para o campo afim de efetivarem os conhecimentos adquiridos nas aulas teóricas.

Essas práticas são de suma importância para aguçar a observação e senso de investigação, além de promoverem interações entre colegas e professores.

Informações Universidade Federal de Mato Grosso do Sul- CPAN- CAMPUS DO PANTANAL

Resíduos sólidos na Estância Mimosa

Desde o início de suas atividades há 20 anos, a Estância Mimosa Ecoturismo tem como uma de suas Diretrizes de Sustentabilidade a correta destinação do lixo produzido no seu dia a dia.

Assim, os resíduos sólidos são separados por tipo e posteriormente são encaminhados para reciclagem, reduzindo as possibilidades de danos ao meio ambiente e à saúde. Os resíduos orgânicos são decompostos através de compostagem de minhocas e transformados em adubo orgânico. Contribuímos assim para um planeta melhor para todos!