Grupo Rio da Prata realiza reunião com agências de turismo de Bonito

Ketlen da Silva

O Grupo Rio da Prata realizou nos dias 25 e 26 de novembro um bate-papo sobre os atrativos turísticos Recanto Ecológico Rio da Prata, Estância Mimosa Ecoturismo e Lagoa Misteriosa para os agentes de turismo da região.

O objetivo foi estreitar laços, repassar informações e novidades para os profissionais que atuam nas agências credenciadas junto aos atrativos para se prepararem para o ano de 2020. O evento foi realizado no Pira Miúna, em Bonito.

Colaboradores do Grupo Rio da Prata ministraram o treinamento e responderam perguntas feitas pelos agentes.

No término foi realizado sorteios de duas cortesias para um jantar com acompanhante na Casa do João e seis cortesias para o Pastel da Jana, em prol de divulgar a culinária regional.

Veja as fotos:

Alunos de escola estadual de Bonito visitam a Estância Mimosa

A Estância Mimosa Ecoturismo recebeu no dia 8 de dezembro a visita de alunos da Escola Estadual Luis da Costa Falcão, de Bonito (MS). Acompanhados pelo professor Wellington realizaram o passeio de trilha e cachoeiras e se encantaram com a natureza do local.

É a primeira vez que visito a Estância Mimosa, estou gostando bastante”, revelou a aluna Ingrid.

O professor Wellington agradeceu aos proprietários a oportunidade em levar seus alunos para conhecer o passeio de cachoeiras.

É um passeio que além de tomar banho, a gente conhece a fauna e flora local. Só tenho a agradecer pela oportunidade. Conhecer a importância da preservação do meio ambiente, a quantidade de árvores e aves que conhecemos, realmente foi uma experiência única”.

A visita foi um presente concedido aos estudantes que ganharam gincana realizada durante o período de festa junina na escola.

Veja as fotos:

Estância Mimosa recebe visita de alunos da Escola Estadual Bonifácio Camargo Gomes

A Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS) recebeu no dia 01 de dezembro a visita de alunos do 3º ano e professora da Escola Estadual Bonifácio Camargo Gomes, de Bonito (MS).

Os mesmos estão concluindo a última etapa da Educação Básica, e foram presenteados com o passeio de trilha e cachoeiras, pela instituição de ensino.

Acompanhados pelos guias de turismo Valdenir e Carminha, conheceram as belezas naturais do atrativo, percorreram a trilha, tomaram banho nas cachoeiras e conheceram os projetos ambientais desenvolvidos na Estância Mimosa.

Em um bate papo com os alunos, Thyago Sabino, gerente do atrativo, revelou sobre a importância dos jovens conhecerem os passeios da região e da preservação dos locais para que todos possam ter uma experiência gratificante junto à natureza.

Veja abaixo alguns momentos da visita:

Momento de provar o almoço regional preparado no fogão a lenha na Estância Mimosa.

Diretor do Grupo Rio da Prata conquista prêmio Isto é Mato Grosso do Sul

O objetivo do prêmio é reconhecer pessoas físicas que tenham atuado de maneira criativa, inovadora e proativa para o desenvolvimento do turismo do Estado de Mato Grosso do Sul.

A Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur-MS) reuniu na noite da última terça-feira (19), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, profissionais de turismo, empresários e autoridades para a cerimônia de entrega da 1º edição do prêmio “Isto é Mato Grosso do Sul”.

O objetivo do evento foi reconhecer pessoas físicas que tenham atuado de maneira criativa, inovadora e proativa para o desenvolvimento do turismo do Estado de Mato Grosso do Sul. “Esse é um momento especial para o turismo de MS, com o objetivo de consagrar os profissionais que fazem a diferença no setor”, disse o presidente da Fundtur-MS, Bruno Wedling.

Eduardo Folley Coelho, diretor do Grupo Rio da Prata, no qual fazem parte os passeios de ecoturismo Recanto Ecológico Rio da Prata e Lagoa Misteriosa, em Jardim (MS) e a Estância Mimosa, em Bonito, conquistou a categoria Atrativos Turísticos. O prêmio, recebido por sua filha Luiza Coelho, foi muito celebrado.

Em nome do Eduardo quero agradecer a Fundação de Turismo e ao Governo do MS por este prêmio e elogiar esta iniciativa maravilhosa. Ele sempre trabalhou para o fortalecimento do destino Serra da Bodoquena e do MS seguindo a política do “Ganha-Ganha” buscando ações que beneficiam sempre todos os atores envolvidos no processo turístico, tanto no curto, como médio e longo prazo. Eduardo é um gestor de visão, que ama a natureza do nosso estado e seu trabalho nos mostra que é possível conciliar produção agropecuária, visitação turística e conservação ambiental”, disse Luiza.

Luiza Coelho representou seu pai, Eduardo Coelho, na cerimônia de premiação.

A cerimônia contou com a presença de autoridades, entre eles o governador do estado, Reinaldo Azambuja (PSDB); do secretário de Governo, Eduardo Riedel; secretário do Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck; entre outros. Após a entrega dos prêmios o grupo Chalana apresentou clássicos da música.

Veja abaixo os vencedores da 1ª Edição do Prêmio Isto É Mato Grosso do Sul:

ACADEMIA:
Polliana Thomé (prêmio recebido pela mãe, Valdeci Thomé)

AGÊNCIAS E OPERADORAS:
Joice Carla Santana Marques (Joice Pesca & Tur)

ATRATIVOS TURÍSTICOS:
Eduardo Folley Coelho (Recebido pela filha, Luiza Coelho)

BARES, RESTAURANTES E SIMILARES:
Rodrigo Hata e Heriko Hata (Bar Velfarre)

GOVERNO:
Nilde Clara S. Benites Brun (Prefeitura de Costa Rica/MS)

HOTELARIA:
Marcelo Mesquita (Hotéis Deville)

IMPRENSA:
Silvio Andrade

ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS (ONGs):
Simone Mamede (Instituto Mamede).

Programa Dia de Cris exibe a natureza da Estância Mimosa

A jornalista Cris Dias e o ator Caio Paduan divulgaram o terceiro episódio sobre Bonito(MS), onde visitaram as cachoeiras da Estância Mimosa Ecoturismo.

Fizemos um circuito de cachoeiras, com direito a salto no final…e jacarés no começo dessa aventura!”, disseram!

Essa é a cachoeira do Sol, uma das mais espetaculares que já vi na vida! No caminho dela, você encontra quase uma dezena de outras cachoeiras, de diferentes formas e tamanhos. E, de quebra, ainda dá de cara com uns jacarés (mas é tran-qui-lão!) . Tá bonito ou quer mais? Quer saber que lugar é esse? Estância Mimosa

Jornalistas do Pantanal Notícias visitam a Estância Mimosa

A Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito-MS) recebeu no dia 8 de novembro a visita de Elton Ferreira da Silva, Lídia Soave Pereira e Thaís Soave Pereira, equipe de jornalismo do portal Pantanal Notícias MS.

O grupo reaizou o passeio de trilha e cachoeiras, conheceu os projetos ambientais desenvolvidos no atrativo e se encantaram com a experiência.

Veja o depoimento:

Encontraram o ator brasileiro Ernando Tiago, conhecido por sua atuação em Chiquititas e por suas passagens pela Rede Record, CNT e outras novelas do SBT, que estava no atrativo para realizar também o passeio.

“Se você busca uma experiência de ar puro, cachoeiras cristalinas e a sensação de estar mais próximo da natureza, este é um dos destinos ideais. A Estância Mimosa é uma aconchegante fazenda localizada na cidade de Bonito, Mato Grosso do Sul, a cidade mais premiada como melhor destino de ecoturismo no Brasil. Assim que você chega a Estância, já é surpreendido com os diferentes cantos de pássaros da região. O som é tão intenso e variado que mais parece uma grande sinfonia orquestrada pela natureza”, revela trechos da matéria já publicada no site Pantanal Notícias MS.

Armadilha fotográfica flagra diferentes espécies na Estância Mimosa

Cutia, cateto, quati e tatu! Essas foram as espécies flagradas pelas armadilhas fotográficas instaladas na Estância Mimosa Ecoturismo – Bonito (MS). A natureza sempre nos presenteando! Ao percorrer as trilhas do passeio fique sempre atento. Assim poderá observar momentos como esse.

Estância Mimosa adquire barco sustentável

O passeio de trilha e cachoeiras na Estância Mimosa (Bonito-MS) ficou ainda mais deslumbrante com a aquisição do novo barco movido a energia solar para percorrer trecho de 500 metros pelo rio Mimoso.

Carinhosamente chamado de Biguá, em homenagem à ave aquática vista com frequência no local, o barco iniciou suas atividades em outubro deste ano. Fabricado pela Levefort, modelo Safari 7.0 M, tem capacidade para transportar 15 pessoas em poltronas confortáveis, proporcionando assim, melhor comodidade a todos que visitam o atrativo de ecoturismo, além de ter duas placas solares adaptadas para tocar o motor elétrico. O motor elétrico, além de ultra-silencioso, não polui o ar e nem a água do rio, pois não gera resíduos de combustível.

Para Thyago Sabino, gerente da Estância Mimosa, a aquisição do barco é uma inovação muito importante. “O Biguá concilia modernidade, tecnologia sustentável e vai de encontro com o que desejamos oferecer: uma experiência de integração na natureza com equipamentos modernos, seguros e com muito conforto para nossos visitantes”.

Iasmin Terena, profissional de turismo na região, revela que “achei bem interessante o passeio se preocupar com a questão da sustentabilidade. Por ser um barco que quase não faz barulho, acredito que ele é super conivente com o local em que é utilizado. Parabéns à equipe da Estância Mimosa pela aquisição sustentável”.

Breno Teixeira, responsável pelo Visit Bonito, já realizou o passeio de trilha e cachoeiras anteriormente e esteve novamente no atrativo já com o barco em operação. “Eu já tive a oportunidade de fazer o passeio algumas vezes e agora, com o barco que é super silencioso, é uma excelente oportunidade de se conectar com a natureza e aproveitar ainda mais a beleza desse trecho que tem uma mata ciliar linda. Esse novo equipamento chama a atenção pois a energia consumida para o motor elétrico é gerado através de uma placa solar o que combina perfeitamente com o modelo de sustentabilidade do Grupo Rio da Prata, agregando ainda mais ao destino de ecoturismo e tornando um exemplo em Bonito”.

Veja o vídeo:

Monitoramento acústico automatizado em larga escala de anfíbios anuros

O grupo de trabalho “Monitoramento acústico automatizado em larga escala de anfíbios anuros” é formado por pesquisadores do Brasil e do exterior, vinculados à equipe do Instituto Nacional de Ciência & Tecnologia (INCT) em Ecologia, Evolução e Conservação da Biodiversidade (EECBio; https://www.eecbio.ufg.br/) (Universidade Federal de Goiás, GO) e tem como objetivo monitorar a atividade acústica de anuros em extremos térmicos e hídricos de sua área de distribuição no Brasil.

A comunicação acústica é um dos fenômenos mais característicos durante a fase reprodutiva dos anuros. Sabemos que fatores climáticos influenciam a atividade vocal e podem determinar o grau de sincronismo e intensidade da atividade reprodutiva de populações. No entanto, não sabemos qual é a tolerância térmica e hídrica das espécies durante as atividades vocal e reprodutiva. É possível estimar estes parâmetros e predizer o impacto de mudanças climáticas nas espécies de anuros? Neste projeto investigaremos a atividade vocal de populações sob diferentes condições climáticas – nos extremos térmicos e hídricos das áreas de distribuição das espécies.

O monitoramento acústico passivo se baseia no registro remoto da atividade vocal das espécies e facilita a coleta de dados de forma contínua, por longos prazos, simultânea, em locais muito distantes e com baixa perturbação no comportamento das espécies de estudo.

Sob a supervisão do Professor Franco L. Souza, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (Campo Grande), responsável pela amostragem de dados no estado, foram selecionadas três localidades (Campo Grande, Dois Irmãos do Buriti e Bonito), nas quais um sistema composto por um gravador e um datalogger ficarão ativos durante um ano, a partir de setembro/2019. Entre os locais está a Estância Mimosa Ecoturismo.

O gravador é programado para efetuar gravações de um minuto a cada 15 minutos (assim, em uma hora serão gravados 4 minutos) enquanto o datalogger efetua medida de temperatura e umidade a cada 5 minutos. São instalados em árvores no entorno de lagoas e funcionam 24 horas por dia, faça chuva ou faça sol, de dia, de noite, de madrugada. A cada 4 meses é necessário trocar as baterias e os cartões de memória.

A partir da investigação de características da atividade acústica de anuros, o grupo espera descrever os padrões temporais de atividade acústica; determinar as temperaturas e umidades relativas na qual há atividade acústica, estimar a amplitude térmica e hídrica das espécies; obter predições da atividade acústica em cenários de mudanças climáticas; investigar a influência de atributos ecológicos dos anuros sobre as respostas a fatores climáticos; e aplicar e validar novos métodos automáticos de detecção de espécies em gravações acústicas.

Informações e fotos: Franco L. Souza – Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – Instituto de Biociências.

Atrativos do Grupo Rio da Prata são alguns dos destaques em matéria no UOL

As belezas naturais de Bonito e Jardim ilustram o portal UOL !! A editoria Viagem, traz a matéria de Eduardo Vessoni: “Guia de Bonito: as atrações e passeios imperdíveis na capital do ecoturismo”, com relatos e imagens do destino! Confira só o que disse sobre a Estância Mimosa:

A 26 km de Bonito, a Estância Mimosa fica em uma área protegida de mais de 400 hectares e é daqueles atrativos para passar o dia. A propriedade, que abriga um lago com jacarés-de-papo-amarelo, conta com cavalgadas com cavalo crioulo, tour guiado de observação de aves e uma trilha fácil de 2,8 km de extensão que passa por mirantes e cachoeiras para banho. Destaque para o cenográfico almoço com produtos orgânicos na antiga sede da propriedade, com pratos feitos no fogão a lenha, como guisado de mandioca e carne ao molho pantaneiro”, disse.

Além da Estância Mimosa, os atrativos Recanto Ecológico Rio da Prata e Lagoa Misteriosa, passeios que também integram o Grupo Rio da Prata, foram citados na reportagem.

Clique aqui e leia a matéria na íntegra!